{lang: 'en-US'}

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Booktrailer Doutor Sono. Nova obra de Stephen King


O booktrailer está logo abaixo... depois da sinopse.

Pelas estradas através da América, uma tribo de pessoas chamada de ‘A União Real’ viaja à procura de sustento. Eles parecem inofensivos-a maioria é velho, usam muito poliéster, e são casados com seus veículos de recreação. Mas como Dan Torrance sabe, e a adolescente Abra Storne descobre, ‘ A União Real’ são quase imortais, vivendo da ‘força’ que crianças ‘iluminadas’ produzem enquanto elas são lentamente torturadas até a morte.
Assombrado pelos habitantes do Hotel Overlook, onde ele passou um aterrorizante ano de sua vida, Dan tem estado à deriva por décadas, desesperado para largar o legado de seu pai de desespero, alcoolismo, e violência. Finalmente, ele se arranja em uma cidade de Nova Hampshire, uma comunidade de AA que o sustenta, e lhe arranja um trabalho em um hospital onde o resto de seus poderes de ‘iluminado’ providencia o crucial conforto final para aqueles que estão morrendo. Ajudado por um gato presciente, ele se torna o ‘Doutor Sono’.
Então Dan conhece a esvanecente Abra Stone, e seu dom espetacular, a luz mais brilhante que ele já viu, isso reacende os próprios demônios de Dan, e o convoca para uma batalha pela alma e sobrevivência de Abra. Esta é uma guerra épica entre o bem e o mal, uma história sangrenta e gloriosa que emocionará os milhões de leitores hiper devotados de O Iluminado, e satisfará completamente qualquer um que seja novato ao território deste ícone dos livros de King“.

Curta a fanpage do Apogeu:

terça-feira, 28 de outubro de 2014

BBC dá dicas para virar a madruga acordado trabalhando



Fonte: BBC. Comentários: Franz Lima

Quando o britânico Kevin Morgan precisa virar a madrugada trabalhando, ele usa um método testado e aprovado.
Ele ilumina bastante o quarto, faz um lanche no começo da noite e tira uma soneca de 90 minutos antes de começar a trabalhar. Ele também se abastece de café para todo o turno.
Muitos especialistas em sono teriam calafrios com essas dicas, mas cientistas dizem que elas são eficazes.
Morgan é professor de psicologia e do centro de pesquisas de sono da Universidade de Loughborough, no Reino Unido.
Poucos cientistas recomendam passar a noite trabalhando, mas Morgan vê algumas vantagens.
"Há menos distrações à noite. Você consegue controlar melhor seu ambiente."
Recomendado ou não, muitos de nós têm situações em que não conseguimos fugir da necessidade de trabalhar à noite. Uma pesquisa da Universidade St. Lawrence, de Nova York, revelou que 60% de seus alunos passaram pelo menos uma noite em claro estudando.
Universidades como a de Chicago, nos Estados Unidos, ou Bristol, no Reino Unido, abriram bibliotecas 24 horas para atender uma demanda existente.

Problemas e riscos

Se manter acordado durante toda a noite para trabalhar tem seus efeitos colaterais. Paul Haswell, de uma empresa de direito de Hong Kong, disse que certa fez saiu para jantar em um restaurante com uma mulher depois de ter passado a noite em claro trabalhando.
"Eu estava absolutamente exausto, mas não queria cancelar o encontro que tentava marcar há meses. Eu acabei adormecendo na mesa, durante o prato de entrada. Acordei com minha cabeça na mesa e o garçom me explicando que a mulher tinha me deixado, irritada. Nunca mais a vi na vida", conta Haswell.
Estudos enumeram vários problemas e riscos mais graves. O mesmo estudo da Universidade St. Lawrence mostrou que pessoas que nunca haviam passado uma noite em claro estudando tinha notas 7% maiores em média.
Outro estudo mostrou que o risco de diabetes é maior entre pessoas que dormem pouco à noite. Uma pesquisa de três universidades da Califórnia mostrou que uma noite sem sono resulta em euforia de curto prazo, seguida de deterioração na capacidade de tomada de decisões.
"Você também está em risco maior de causar um acidente na estrada", diz o pesquisador Charles Czeisler, de Harvard.
Mas mesmo assim, muitos de nós acabamos tendo que trabalhar à noite. Nesse caso, quais são as melhores formas de encarar a madrugada acordado? Confira algumas dicas.

RESERVA DE SONO

Czeisler recomenda que se tire uma soneca assim que a pessoa perceba que vai passar a noite em claro.
"Se tirarmos uma soneca na tarde, a queda de desempenho normal do período da noite ocorre com menor intensidade."
Outro fator que ajuda é manter bons hábitos noturnos nos períodos "normais" da vida. Quando possível, ele recomenda que se faça uma "reserva" de sono - dormindo mais horas antes da noite em que se planeja trabalhar.

ALIMENTAÇÃO

"Proteína nos mantém alerta", diz a nutricionista irlandesa Paula Mee. "Na janta anterior à noite em que você vai ficar acordado, coma uma dieta rica em proteína, com peito de frango ou salmão. Carboidratos demais podem dar sono."
Ela diz que o corpo não necessita de outra grande refeição ao longo da madrugada, mas que um lanche - novamente com proteínas, como nozes e sementes - é recomendável.

LUZES FORTES

A luz é uma das formas que o relógio biológico nos alerta para o dia - deixando nosso corpo despertado e ativo.
Mas é importante que a luz tenha a cor certa. Luzes amarelas costumam relaxar o corpo, o que não é recomendável. O ideal são luzes de LED-azul, que estimulam o corpo a ficar acordado.

ORGANIZE AS TAREFAS AO LONGO DA NOITE

Nossa capacidade cognitiva vai diminuindo ao longo da noite, e nossa capacidade de trabalhar se deteriora.
Os especialistas recomendam que se separe as atividades em dois grupos: as cognitivas - que exigem pensamento e processamento - e as de rotina - que são mais "braçais" e repetitivas. Eles recomendam que se comece com todas as atividades cognitivas, deixando as que exigem menos do cérebro para depois.

TOME CAFÉ E EVITE O FRIO

A cafeína reduz os efeitos da adenosina, a substância química que os humanos produzem quando estão cansados. Os especialistas recomendam uma taça de café a cada hora ao longo da noite.
A temperatura do corpo também costuma atingir seu ponto mais baixo entre as 3h e 4h da manhã. O frio distrai as pessoas do trabalho e deve ser evitado.

TIRE UMA SONECA NA MANHÃ SEGUINTE

Depois que completar sua tarefa, lá pelas 8h da manhã, dispare o último e-mail e durma por 90 a 100 minutos. Isso é suficiente para recuperar um pouco do ciclo de sono perdido.
Mas especialistas são taxativos: nunca dirija em nenhum momento do dia seguinte, pois é muito perigoso. Eles também recomendam que as pessoas sigam para a cama cedo na noite seguinte, o que facilitará que se recupere a rotina normal.

SE POSSÍVEL, DIGA NÃO

Mas a recomendação que nem todos seguem é a melhor de todas: tente dizer não a seu chefe. Talvez seja necessária uma dose extra de diplomacia. Mas é importante que ele ou ela entenda que não é razoável passar uma noite em claro por causa do trabalho

Franz diz: o último tópico é relevante, porém não enquadra aqueles que são seus próprios patrões. Escritores, entre os quais me incluo, precisam da tranquilidade noturna para criar. Obviamente que o trabalho diurno é mais produtivo em função do nosso relógio biológico que "cobra" o descanso à noite, mas é notável o maior rendimento, contrastando com o maior desgaste, da produção noturna, principalmente por causa do 'sossego' que só a noite traz. 
As dicas estão aí e eu acredito que irão ajudar muitas pessoas que, por necessidade ou teimosia, viram a noite em prol de sonhos... ou pesadelos (lembram-se que escrevo terror?).

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Calvin e Haroldo: as últimas palavras. Via Geek Vault.



Fonte: Geek Vault
Comentários: Franz Lima.

Uma emocionante história onde o fim da vida de Calvin é mostrado da forma mais impactante e poética possível. Lágrimas cairão, principalmente se você for, assim como eu, fã da famosa e saudosa dupla.
Senhoras e senhores, com vocês: Calvin e Haroldo - As últimas palavras.


“Calvin? Calvin, meu amor?”

Da escuridão Calvin ouviu o chamado de Susie, sua esposa há 53 anos. Deus, ele estava tão cansado e foi tão difícil abrir os olhos. Vagarosamente, a luz substituiu a escuridão, e logo e visão estava completa. No pé de sua cama estava sua esposa. Calvin molhou seus lábios secos e falou com a voz rouca, “Você…você o…encontrou?”
“Sim querido,” Susie respondeu com um triste sorriso, “Ele estava no sótão.”

Susie pegou dentro de sua bolsa e retirou um suave, velho e laranja tigre de pelúcia. Calvin não conseguiu evitar uma risada. Já fazia tanto tempo. Muito tempo.

“Eu lavei ele para você,” Susie falou, sua voz quebrando um pouco enquanto ela colocava o tigre de pelúcia perto de seu marido.

“Obrigado Susie.” Calvin respondeu.

Alguns momentos se passaram enquanto Calvin apenas deitava em sua cama no hospital, sua cabeça virada para o lado, olhando o antigo brinquedo com nostalgia.

“Querida,” Calvin finalmente falou. “Você se importaria me deixar sozinho com Haroldo por um tempo? Eu gostaria de conversar com ele.”
“Sem problemas,” Susie respondeu. “Eu vou comer algo na cafeteria. Volto logo.”

Susie beijou seu marido na testa e se virou para ir embora. Com uma repentina, mas suave força, Calvin a parou. Amorosamente ele puxou sua esposa e a deu um beijo apaixonado em seus lábios. “Eu te amo,” ele disse.

“E eu amo você,” responde Susie.

Susie virou e saiu. Calvin viu lágrimas saindo de seus olhos quando ela saiu pela porta.

Calvin finalmente virou para ver seu mais antigo e querido amigo. “Ola Haroldo. Faz um bom tempo não faz amigo?”

Haroldo não era mais um tigre de brinquedo, mas o antigo e peludo tigre que Calvin sempre se lembrou. “Sem dúvida faz, Calvin.” foi a resposta de Haroldo.

“Você…você não mudou nada.” Calvin sorriu.

“Já você, mudou muito.” Haroldo disse tristemente.

Calvin riu, “Verdade? Eu nem tinha reparado.” Teve uma longa pausa. Apenas o barulho de um relógio contando os segundos ecoando no quarto estéril do hospital.

“Então…você casou com Susie Derkins.” Haroldo falou, finalmente sorrindo. “Eu sempre soube que você gostava dela.”

“Fique quieto!” Calvin disse, seu sorriso maior que nunca.

“Me conte tudo que perdi. Eu adoraria ouvir tudo que você fez!” Haroldo disse, empolgado.

Então Calvin contou tudo. Ele contou como ele e Susie se apaixonaram no colegial, como eles se casaram logo após a faculdade, contou sobre seus 3 filhos e seus 4 netos, como ele transformou Space Spiff em uma das mais populares novelas de ficção científica, e por aí vai.

Depois que ele disse tudo isso para Haroldo, ocorreu mais um silêncio impregnante.

“Você sabe…eu te visitei no sótão várias vezes.” Calvin disse.

“Eu sei.”

“Mas eu nunca consegui te ver. Tudo que eu via era um animal de pelúcia.” a voz de Calvin estava quebrando e lágrimas de arrependimento começaram a cair de seus olhos.

“Você cresceu amigão.” disse Haroldo.

Calvin começou a soluçar, abraçando seu melhor amigo. “Me desculpe! Por favor me desculpe por quebrar a minha promessa! Eu prometi que nunca ia crescer e que iríamos ficar sempre juntos!”

Haroldo  acariciou o cabelo de Calvin, ou o pouco que ainda restava. “Mas você não quebrou.”

“O que você quer dizer?”

“Nós sempre estivemos juntos…em nossos sonhos.”

“Nós estivemos?”

“Nós estivemos.”

“Haroldo?”

“Sim amigão?”

“Estou tão feliz por poder te ver assim….uma última vez…”

“Eu também Calvin, eu também.”

“Amor?” A voz de Susie veio do outro lado da porta.

“Sim querida?” respondeu Calvin.

“Posso entrar?” perguntou Susie.

“Só um minuto.”

Calvin virou para ver Haroldo uma última vez.

“Adeus Haroldo. Obrigado…por tudo…”

“Não, eu que te agradeço Calvin.” respondeu Haroldo.

Calvin virou para a porta e falou, “Pode entrar agora.”

Os filhos e netos de Calvin seguiram Susie no quarto dele. O neto mais novo correu por todos eles e abraçou o seu avô de uma forma forte e empolgada. “Vovô!” gritou a criança.

“Francis!” gritou a filha de Calvin, “Seja gentil com seu avô.”

A filha de Calvin virou para seu pai e disse “Me desculpe papai. Francis não está se comportando esses últimos dias. Ele apenas corre fazendo bagunça e vindo com histórias estranhas.”

Calvin riu e disse, “Ora, isso está parecendo como eu era na sua idade.”

Calvin e sua família conversaram mais um pouco até quando a enfermeira chegou e disse, “Me desculpem, porém a hora de visita está praticamente terminando.”

A amorosa família de Calvin disse tchau e prometeu voltar no dia seguinte. Assim que eles estavam saindo Calvin disse, “Francis. Venha aqui um segundo.”

Francis ficou ao lado de seu avô, “O que foi vovô?”

Calvin pegou o antigo tigre de pelúcia e o entregou, tremendo para seu neto, que era extremamente parecido com ele tantos anos atrás.

“Esse é Haroldo. Ele foi meu melhor amigo quando eu tinha sua idade. Gostaria que você o tivesse.”

“Mas ele é apenas um tigre de pelúcia.” Francis disse.

Calvin riu, “Bom, deixe-me te falar um segredo.”

Francis chegou mais perto de Calvin. Calvin sussurrou, “se você o pegar em uma armadilha para tigres, utilizando um sanduíche de atum como isca, ele vira em um tigre real.”

Francis olhou com admiração. Calvin continuou, “Não apenas isso, ele será seu melhor amigo para sempre.”

“Wow! Obrigado vovô!” Francis disse, abraçando seu avô fortemente novamente.

“Francis! Nós precisamos ir agora!” chamou a filha de Calvin.

“Okay!” Francis gritou.

“Cuide bem dele.” disse Calvin.

“Eu vou.” Francis disse, antes de correr com o resto de sua família.

Calvin deitou e ficou olhando para o teto. O tempo estava chegando. Ele conseguia sentir em sua alma. Calvin tentou lembrar uma frase que ele leu em um livro uma vez. Falava algo sobre a morte ser apenas a próxima grande aventura, ou algo do tipo. Seus olhos ficaram pesados e sua respiração ficou mais lenta. Enquanto ele ia finalmente para seu sonho final, ele ouviu Haroldo, como se estivesse logo ao lado dele na cama. “Eu vou cuidar dele, Calvin…” Calvin deu seu primeiro passo para mais uma aventura e teve seu último respiro com um sorriso em sua face.

Texto atribuído a Interciso Mateus

sábado, 25 de outubro de 2014

Countdown to UFC 179: Aldo x Mendes 2. A luta principal é imperdível!



O que vocês verão é um documentário com os fatos que antecedem a luta entre Chad Mendes e José Aldo pelo titulo dos Penas. 



Vingadores: a era de Ultron. Primeiro trailer surpreende. Veja o caos legendado!


Depois do sucesso do primeiro filme da equipe dos Vingadores, as expectativas só têm crescido. Anunciaram a presença de Ultron na trama, depois Mercúrio e a Feiticeira Escarlate. A armadura Hulk Buster... e até o escudo destroçado do Capitão América. 
Agora, o primeiro trailer foi lançado. Nick Fury está de volta. A guerra também.
Em meio aos planos de aniquilação de Ultron, uma equipe dividida dos Vingadores surge. Será que o caos será o fator preponderante para a união do grupo de heróis?
Sejam quais forem os acontecimentos nesta trama, a certeza é uma só: o filme será imperdível!
E que venha a Guerra Civil...



Fotógrafo registra o cotidiano de uma das cidades com mais chuva no mundo



Fonte: BBC. Texto: Franz Lima.

Um dos mais impressionantes vilarejos do mundo vive, literalmente, sob a chuva. Situado na Índia, o vilarejo de Mawsynram registra os maiores índices pluviométricos do mundo, já tendo 25 metros acumulados em um único ano, recorde absoluto.
As fotos são de autoria de Amos Chapple que coletou depoimentos de alguns habitantes. A rotina dos moradores é complicada, porém a capacidade de adaptação humana é surpreendente. 
A necessidade levou, inclusive, à criação de um "capote", conhecido como Knup, para proteção da chuva, feito com bambus e folhas de bananas. Mas o tradicional guarda-chuva também é item obrigatório entre a população.
O ensaio fotográfico de Amos é um achado, pois, além de mostrar a beleza do lugar, ainda serve para demonstrar o quanto o ser humano é adaptável ao ambiente em que se encontra. 


O lugar mais úmido da Terra








sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Programação do Centro Cultural dos Correios. Exposições imperdíveis!




Memorabilia - Amador Perez - 40 Anos” 
A exposição comemora a trajetória do artista carioca na arte contemporânea brasileira. 
Apresentando mais de 100 obras, realizadas entre 1976 e 2014, Amador Perez propõe uma reflexão sobre a materialidade e singularidade da obra de arte e sua reprodução, e a imaterialidade e multiplicidade da imagem, utilizando técnicas manuais e digitais em uma fusão de linguagens e criando um jogo interativo entre a sua memória das obras originais e a fantasia do espectador.
Montada em três núcleos, a mostra exibe no primeiro deles, 20 obras recentes e inéditas, uma seleção de 20 imagens de desenhos a grafite da década de 1980, redimensionadas através de impressões sobre telas que, conjugadas a objetos representativos de sua memória afetiva e  projetados pelo autor, constituem uma 'memorabilia' do artista. 
O segundo núcleo apresenta dois 'livros do artista', atuais e inéditos, sobre Nijinski, o mítico e revolucionário dançarino e coreógrafo dos "Balés Russos de Diaguilev", a partir de séries de colagens e desenhos elaborados nas décadas de 1970 e 1980. Uma espécie de 'gabinete de curiosidades', onde se destaca uma carta dirigida a Amador Perez por Tamara Nijinski, segunda filha do bailarino.
A reapresentação da série “Gioventù”, elaborada a partir da obra homônima de Eliseu Visconti, ocupa o terceiro núcleo da mostra. Composta por 63 desenhos a grafite e lápis de cor, realizada na década de 1990 e apresentada em 1998 no Museu Nacional de Belas Artes. Integra-se à mostra, uma gravura que reproduz as dimensões originais da tela de Visconti. 
Ao escolher “Gioventù” - pintura icônica de Visconti - Perez reafirma a atualidade da obra de um dos artistas que anteciparam a modernidade na arte brasileira, pioneiro também do nosso design. Amador identifica-se com a visão futurista de Eliseu, remetendo a sua criação à contemporaneidade.
O artista realizará visitas guiadas e oficinas temáticas relacionadas às suas proposições apresentadas nos três núcleos. As reflexões do público participante, expressas através dos resultados das oficinas, formarão progressivamente um novo núcleo da exposição. 

Serviço: 
“Memorabilia – Amador Perez 40 Anos”
Abertura: 1º de outubro, às 19h
Visitação: de 2 de outubro a 7 de dezembro de 2014, de terça-feira a domingo, das 12 às 19h - GRÁTIS
Centro Cultural Correios - Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro - Rio de Janeiro - RJ
Telefone: (21)2253-1580
Patrocínio: Correios
Apoio Cultural: Centro Cultural Correios

 


“Brecheret – Mulheres de Corpo e Alma” 



Obras de diversas fases do artista sob a temática do feminino do período de 1920 e 1955.
  

A exposição traz para o Rio de Janeiro uma seleção de 37 esculturas e 107 desenhos que representam várias fases e tendências da trajetória do artista. A mostra é dividida em oito conjuntos de acordo com a variante da temática do feminino. As esculturas foram produzidas em mármore, gesso, pedra granítica rolada pelo mar, bronze patinado e bronze polido. As obras são predominantemente nus relacionados ao simbolismo feminino da Terra, a grande Mãe, a deusa Gaia, Geia, dos gregos, o elemento primordial e latente de uma potencialidade geradora ilimitada. A mostra reúne ainda, em uma sala especial, uma visão inédita de oito painéis de alto e baixo relevo do artista. 
A curadora da exposição Daisy Peccinini destaca: “O importante conjunto de esculturas, em diversos materiais e pertencentes a diferentes momentos de seu percurso artístico, desencadeia um especial convite a vivenciar não só a estética das formas, na presença material dos corpos femininos, mas captar a atmosfera anímica, das obras que o seu criador, o escultor Brecheret, imprimiu na matéria”. 
Para Victor Brecheret Filho, Presidente do Instituto Victor Brecheret, “o repertório desta exposição, em sua riqueza e diversidade, realizada em torno da figura de mulher, é extremamente revelador da alta qualidade da arte de Brecheret, que, aliada a uma percepção e sensibilidade, permite aos que a veem mergulhar em profundidade e extensão na alma feminina.”. 

Serviço: 

“Brecheret – Mulheres de Corpo e Alma” Abertura: 8 de outubro, às 19h
Visitação: de 9 de outubro a 7 de dezembro de 2014, de terça-feira a domingo, das 12 às 19h – GRÁTIS

Classificação etária: Livre para todos os públicos.
Lançamento do catálogo e visita guiada com a curadora: 22 de novembro, às 16h.
Centro Cultural Correios - Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro - Rio de Janeiro - RJ
Telefone: (21)2253-1580
Patrocínio: Correios
Apoio Cultural: Centro Cultural Correios



“Maria Luiza Leão - Pinturas”



 A mostra reúne cerca de 40 pinturas em acrílico sobre tela, em dimensões variadas, de obras realizadas pela artista nos últimos oito anos. 

Na análise do poeta Alexei Bueno, a diversidade na organização das linhas e das cores da pintura da artista carioca Maria Luiza Leão passa por períodos notáveis. Nos anos 60, as cores fortes dominavam suas telas, com uma força próxima a dos Nabis; Na década seguinte, numa fase pontilhista, remete a um Seurat ou a um Signac; Entre 1980 e 1990, há uma decomposição da imagem em planos geométricos de índole cézanniana, servindo de base a uma belíssima série de naturezas-mortas e paisagens e um dominante intimismo. 
“Tal intimismo persevera nas obras atuais de Maria Luiza Leão, pois nelas parece afirmar-se definitivamente sua tendência de transfiguração da memória, da transformação em obra de arte sensível daquilo que de mais impalpável representa o próprio estofo do nosso ser. Com um uso de cor muito original, sui generis, perfeitamente não realista, às vezes quase hipnótico, a artista transfigura o vivido em objetos de uma beleza quase melancólica, aquela que é consciente da inarredável dissolução de todas as coisas”, enfatiza. 
Serviço: 

“Maria Luiza Leão - Pinturas” Abertura: 8 de outubro, às 19hVisitação: de 9 de outubro a 7 de dezembro de 2014, de terça-feira a domingo, das 12 às 19h - GRÁTIS

Centro Cultural Correios - Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro - Rio de Janeiro - RJ
Telefone: (21)2253-1580
Apoio Cultural: Centro Cultural Correios

CINEMA



“PoliSonoridades”

Música e política em documentários no Centro Cultural Correios

A Mostra PoliSonoridades exibe 12 documentários nacionais, traçando um panorama da produção recente no país sobre música e política, reunindo cineastas da nova geração e consagrados documentaristas brasileiros que optaram por retratar os dois temas, juntos ou separadamente.
“Músicos de vanguarda conseguiram captar e traduzir em composições poéticas e contundentes, os pensamentos, sentimentos e aflições de toda uma geração”, afirma a curadora da mostra, a cineasta Daniela Broitman, que tem na programação o seu premiado documentário “Marcelo Yuka no Caminho das Setas”. Outros artistas da música destacados nos filmes são Itamar Assumpção, Ney Matogrosso, Dominguinhos e a geração que fez o nome do Circo Voador entrar para a história.
Além desses, o cineasta Silvio Tendler, os atores do filme Cidade de Deus, a Favela da Rocinha, o ex-presidente João Goulart (Jango), a ditadura militar, e a contribuição da Democracia Corintiana e do BRock para o fim da ditadura também estão no epicentro de filmes da mostra PoliSonoridades.
Após a exibição de dois filmes diários haverá debate com os diretores sobre as obras e os temas que elas abordam. Entre os temas dos debates estão irreverência e vanguardismo dos músicos; como os obstáculos pessoais formaram artistas; arte e ativismo, com as participações de Marcelo Yuka e Silvio Tendler; a ditadura militar; a realidade das comunidades, e a luta pela liberdade e a democracia. 
Programação

17 de outubro (sexta-feira)
15h - Daquele Instante em Diante
17h30 - A Farra do Circo.

18 de outubro (sábado)
15h - Olho Nu17h30 - Dominguinhos

19 de outubro (domingo)
15h - A Arte do Renascimento: Uma Cinebiografia de Silvio Tendler17h30 - Marcelo Yuka no Caminho das Setas

23 de outubro (quinta-feira)
15h - Os Advogados contra a Ditadura - Por uma Questão de Justiça
17h30 - Dossiê Jango
24 de outubro (sexta-feira)
15h - Em Busca de um Lugar Comum17h30 - Cidade de Deus - 10 Anos Depois

25 de outubro (sábado)
15h - Setenta
17h30 - Democracia em Preto e Branco
 

Serviço: 
“POLISONORIDADES” – Mostra Documentários
Período: de 17 a 19 de outubro (sexta-feira a domingo) e 23 a 25 de outubro (quinta-feira a sábado)
Horários: sessões às 15h e às 17h30, seguida de debate sobre os dois filmes do dia – GRÁTIS;
Classificação Indicativa: ver na sinopse dos filmes
Centro Cultural Correios - Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro - Rio de Janeiro - RJ
Telefone: (21)2253-1580
Patrocínio: Correios
Apoio Cultural: Centro Cultural Correio
O Centro Cultural Correios Rio de Janeiro está localizado na Rua Visconde de Itaboraí, 20, no centro da cidade. Integra o Corredor Cultural, tendo como vizinhos a Casa França Brasil, ao lado, e o Centro Cultural do Banco do Brasil, defronte.

Boletim 98 da Panini traz as novidades da semana em quadrinhos e mangás.


Coleção Histórica Marvel: Os Vingadores vol. 1

Marvel Comics
Junte-se aos Vingadores em aventuras lendárias produzidas por um panteão colossal de artistas formado por escritores e desenhistas do calibre de Jim Starlin, Roy Thomas, Sal Buscema, Steve Englehart, Neal Adams e George Pérez! Povoando as histórias que saíram de sua mente criativa, nada menos que personagens extraordinários: Capitão Marvel, Adam Warlock, Serpente da Lua; Drax, o Destruidor, e muitos outros! Nesse primeiro volume, os Vingadores se juntam a ilustres aliados para impedir que Thanos, o Titã Louco, ponha em prática seus terríveis planos de aniquilar a humanidade!
Originalmente publicado em:

Avengers 125
Captain Marvel 28 a 34 


Detalhes da edição

» 17 x 26 cm
» 164 páginas
» Capa Cartão
» Lombada Quadrada
» Papel Offset
» Publicação Especial
» Preço: R$ 22.90
» Distribuição Nacional



A Saga do Monstro do Pântano – Livro Dois

Vertigo
De 1983 a 1987, um jovem escritor britânico chamado Alan Moore revolucionou os quadrinhos dos Estados Unidos. Sua ousada abordagem na série do Monstro do Pântano, da DC Comics, definiu novos padrões para a narrativa gráfica e desencadeou uma revolução na nona arte que repercute até os dias de hoje. Partindo das premissas de horror gótico do título e construindo um marcante e intuitivo estilo narrativo e uma profundidade de caracterização sem precedentes, a visão de Moore foi traduzida assombrosamente em belos desenhos de colaboradores como Stephen Bissette, John Totleben, Shawn McManus e Rick Veitch. O resultado é uma das mais duradouras obras-primas dos quadrinhos.
Originalmente publicado em:

Swamp Thing Annual 2
The Saga of The Swamp Thing 28-34 


Detalhes da edição

» 17 x 26 cm
» 228 páginas
» Capa Cartão
» Lombada Quadrada
» Papel Pisa Brite
» Publicação Especial
» Preço: R$ 24.90
» Distribuição Setorizada



Kuroko no Basket 4

Planet Mangá
Após derrotarem o Seiho, o Colégio Seirin se classifica para a final das preliminares do Campeonato Nacional! Nessa etapa, Kuroko, Kagami e seus veteranos enfrentarão o renomado Rei do Leste de Tóquio, o Colégio Shutoku, que também é o time do melhor arremessador da Geração Milagrosa, Shintaro Midorima!
Originalmente publicado em:

Kuroko no Basket 4 

Detalhes da edição

» 13.7 x 20 cm
» 200 páginas
» Capa Cartão
» Lombada Quadrada
» Publicação Mensal
» Preço: R$ 11.90
» Distribuição Setorizada



O Inescrito vol. 9 – Orfeu no Mundo Abissal

Vertigo
Ele é o xará do garoto-mago cujas aventuras literárias tomaram o mundo de assalto. Mas as aventuras de Tom Taylor não têm nada de fictícias! Sem um final feliz à vista, Tom está de volta à barriga da Besta – a criatura chamada Leviatã, da qual flui o poder narrativo e também o de Tommy. Ferida em batalha, a monstruosa criatura agora se esvai e seu ferimento ameaça o futuro de nosso mundo, além de permitir que forças malignas brotem no rastro de sua derrocada. Tom agora deve rumar ao demoníaco coração da Besta-Fera, onde criaturas ligadas ao seu passado governam soberanas. E essa terra de morte e vingança é habitada por terríveis criaturas, como zumbis, vampiros, ursos polares assassinos, coelhos tirânicos e o próprio Demônio em pessoa! A premiada equipe criativa formada por Mike Carey (Lúcifer) e Peter Gross (Livros da Magia) penetram fundo no universo de O Inescrito!
Originalmente publicado em:

The Unwritten 42-49 

Detalhes da edição

» 17 x 26 cm
» 180 páginas
» Capa Cartão
» Lombada Quadrada
» Papel LWC
» Publicação Especial
» Preço: R$ 22.90
» Distribuição Setorizada



Dragon Ball 30

Planet Mangá
Terminada a batalha contra os androides Nº 19 e Nº 20, todos são surpreendidos com a descoberta de novos androides criados pelo Doutor Gero, que aparentam ser ainda mais fortes! O objetivo deles é destruir Goku, que está debilitado por causa de uma doença cardíaca e, para enfrentá-los, Piccolo optará por uma estratégia inusitada!
Originalmente publicado em:

Dragon Ball 30 

Detalhes da edição

» 13.7 x 20 cm
» 192 páginas
» Capa Cartão
» Lombada Quadrada
» Papel Pisa Brite
» Publicação Mensal
» Preço: R$ 11.50
» Distribuição Setorizada

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Localize seu celular com o assobio, usando o Whistle Me.


Fonte: Techtudo
O Whistle Me, antes conhecido como Phone Finder, é um aplicativo para Android que encontra o celular perdido dentro de casa com apenas um assobio. O programa é leve, gratuito e bem fácil de usar naquele momento pelo qual todo mundo passa de, às vezes, esquecer onde deixou o telefone.
O aplicativo não requer configurações complexas para ser usado. Ao abri-lo, o usuário vê várias opções de meu. Na primeira, “app enable” ativa o app e “disabled” vai desativá-lo. No “detection level”, “easy” faz com que ele identifique assobios mais rápido, enquanto “hard” o torna mais seletivo.
No “ring time”, você define o tempo de alerta que ele emite ao identificar o assobio. As opções são de 5 a 60 segundos. Abaixo desta aba, o usuário configura o toque que vai ser usado para esta notificação sonora. Todos os ringtones do seu smartphone estarão disponíveis.
As outras configurações são para mostrar as notificações, iniciar o app assim que ligar o telefone, ativar vibração, tocar mesmo com o celular no silencioso e sempre com volume máximo. Depois de definir todas as suas preferências, é só sair do aplicativo e deixá-lo a rodar no background.
Quando não encontrar mais o celular, dê um assobio forte e longo que o app irá “ouvir” e emitir o som configurado pelo tempo desejado. Baixe Whistle Me e não perca mais seu smartphone com Android.

Saiba mais acessando o link no início do post...



←  Anterior Proxima  → Página inicial