{lang: 'en-US'}

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Livros ou quadrinhos, as boas leituras estão aí pela Companhia das Letras.




Companhia das Letras

O espírito da ficção científica, de Roberto Bolaño (tradução de Eduardo Brandão)
Ambientado na Cidade do México nos anos 1970, O espírito da ficção científica conta a história de Remo Morán e Jan Schrella, dois jovens escritores obcecados por poesia e ficção científica. Enquanto o primeiro tenta incansavelmente encontrar seu espaço na literatura, o segundo passa os dias enviando cartas delirantes a seus autores favoritos de ficção científica. Escrito nos anos 1980 e descoberto agora, esse romance traz todos os elementos que fariam de Bolaño um dos autores mais célebres e importantes da literatura latino-americana. Seus fãs encontrão aqui não apenas a prosa tão facilmente reconhecível  e tão absolutamente inesperada - como também seus temas mais caros, como a literatura, o amor, a juventude, a amizade, o humor e a rebeldia.

Curtam nossas fanpages:  Apogeu do Abismo e Franz Lima.

O fazedor de velhos, de Rodrigo Lacerda
Lançado originalmente em 2008, O fazedor de velhos conta a história de Pedro, um garoto inteligente que está às portas da vida adulta. Com o amadurecimento, chegam questões fundamentais: que profissão escolher? Como lidar com os amores frustrados, os amigos deixados pra trás, os sentimentos confusos que teimam em perturbar? Quem guia o garoto em meio a esses dilemas é Nabuco, um professor experiente, excêntrico e misterioso. Insatisfeito com a faculdade de História, Pedro encontra na literatura um destino possível. Mas essa não é uma descoberta simples  e para chegar até ela é preciso trilhar um caminho de perda e sofrimento.

Penguin-Companhia

O livro de Moriarty, de Arthur Conan Doyle (tradução de José Francisco Botelho)
O Napoleão do crime. É assim que Arthur Conan Doyle define o professor James Moriarty, arquirrival de Sherlock Holmes e um dos grandes vilões da literatura universal. Não há crime em Londres, do mais banal dos roubos ao mais terrível dos assassinatos, que não tenha sua mão. Na obra de Doyle, Moriarty aparece como uma sombra: raramente o protagonista de uma história, sempre atrás das cortinas, em breves menções e alusões. Este volume reúne todas as histórias de Sherlock Holmes em que o professor dá as caras. São cinco contos e um romance que mostram a construção deste que acabaria se tornando um modelo de vilão e o personagem mais emblemático de Doyle depois do seu rival Sherlock Holmes e de John Watson.

Quadrinhos na Cia.

Hilda e o Troll, de Luke Pearson (tradução de André Conti)
Hilda adora aventuras, seja acampar numa noite chuvosa ou explorar a paisagem montanhosa nos arredores de casa. Durante uma expedição pelas colinas, ela encontra uma pedra muito suspeita: de dia, é apenas uma rocha engraçada, mas à noite se transforma num troll! Enquanto faz um desenho no caderno para registrar sua mais nova descoberta, Hilda acaba pegando no sono, e, ao acordar, o troll desapareceu. Agora, no caminho de volta para casa, Hilda terá de lidar com uma floresta assustadora, um gigante perdido, um homem de madeira misterioso e um sino tilintante. Inspirado no folclore nórdico, este quadrinho de cores vivas mistura realidade e fantasia para criar um universo deslumbrante, de onde crianças e adultos não vão querer sair.

Companhia das Letrinhas

De flor em flor, de Jonarno Lawson e Sydney Smith
Muitas vezes, os gestos (e as imagens!) falam mais que as palavras. Neste livro, os desenhos contam a história de uma menina que colhe flores no asfalto e depois transforma cada uma delas em um presente especial  nos lembrando de que a vida é feita de pequenos gestos, pequenas coisas e grandes pessoas.

Reimpressões

Visão do paraísode Sérgio Buarque de Holanda
A desobediência civil, de Henry David Thoreau (traduçao de José Geraldo Couto)
Eles eram muitos cavalos, de Luiz Ruffato
Enclausurado, de Ewan McEwan (tradução de Jorio Dauster)
Freud 02  Estudos sobre a histeria (1893-1895)de Sigmund Freud (tradução de Paulo César de Souza)
Freud 13 – Conferências introdutórias à psicanálise (1916-1917), de Sigmund Freud (tradução de Paulo César de Souza)
Freud 06 – Os três ensaios sobre a teoria da sexualidade: O caso Dorade Sigmund Freud (tradução de Paulo César de Souza)
Freud 17 - Inibição, sintoma e angústia, o futuro de uma ilusão e outros textosde Sigmund Freud (tradução de Paulo César de Souza)
Homo Deus, de Yuval Noah Harari (tradução de Paulo Geiger)
Memorial do convento, de José Saramago
Senhor das moscasde William Golding (tradução de Sergio Flaksman)
Os cem melhores contos brasileiros do século, organização de Italo Moriconi
A lentidão, de Milan Kundera (tradução de Teresa Bulhões Carvalho da Fonseca e Maria Luíza Newlands)
Cartas de amor aos mortos, de Ava Dellaira (tradução de Alyne Azuma)
Coronelismo, enxada e voto, de Victor Nunes Leal
O relojoeiro cego, de Richard Dawkins (tradução de Laura Teixeira Motta)
História do cerco de Lisboa, de José Saramago
Além do bem e do mal, de Friedrich Nietzsche (tradução de Paulo César de Souza)
Como a mente funciona, de Steven Pinker (tradução de Laura Teixeira Motta)
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário